Gestor de Projecto

Esta vaga já expirou


Entidade:

CMA

Expira:

2022-06-08

Local:

Matola

Gestor de Projecto

A Comunidade Moçambicana de Ajuda (CMA) é uma organização moçambicana sem fins lucrativos criada em 1996 para apoiar populações vulneráveis. A CMA tem experiência considerável na implementação de projectos de assistência a crianças órfãs e vulneráveis ​​(COVs) afectadas pelo HIV e Sida, com foco na gestão de casos, retenção em tratamento antirretroviral, grupos de poupança e prevenção do HIV para adolescentes.

A CMA implementará o projecto antecipado de COV e DREAMS (FILOVC) financiado por USAID, em certos distritos da província de Maputo, sob a liderança do parceiro principal OCSIDA e com a assistência técnica da FHI 360.

Nome do cargo: Gestor de Projecto

Reporta a: Directora Executiva

Linha pontilhada: Director de Projecto da OCSIDA

Articula com: Área financeira, área técnica, M&A

Supervisiona directamente:        Gestor de Finanças, Admin e RH; Oficial Sénior Técnico de DREAMS, Oficial Sénior de Finanças

Baseado em: Matola, com viagens frequentes ao campo

Data preparada: Abril 2022

Faixa Salarial: 11

Resumo do cargo:

O Gestor do Projecto FILOVC é responsavel pela gestão geral do projecto FILOVC na CMA, tanto na área técnica como na área financeira e operacional.

Responsabilidades:

  • Responsável pela coordenação e gestão geral do programa de COV, DREAMS e prevenção primária para adolescentes (PPA).
  • Responsável por garantir que o programa seja tecnicamente sólido e em linha com a orientação do PEPFAR.
  • Servir como o principal elo de ligação com o parceiro principal.
  • Garantir a submissão pontual de entregáveis de qualidade ao parceiro principal, incluindo planos de trabalho anuais, relatórios trimestrais e anuais, relatórios de dados mensais, relatórios financeiros, planos de monitoria e avaliação, entre outros. Garantir o estabelecimento e uso de sistemas claros e realistas de fluxo e validação de dados.
  • Assegurar uma boa coordenação entre as funções de operações e técnicas para entregar resultados dentro do prazo, dentro do orçamento e em conformidade com todas as regras e regulamentos aplicáveis.
  • Supervisionar todos os funcionários do projecto (directa ou indirectamente), garantindo uma planificação, coordenação e entrega de resultados eficazes por todas as partes. Isso inclui garantir o recrutamento das pessoas certas para cada cargo em um processo transparente e uma indução adequada. Também inclui o estabelecimento de uma estrutura clara e funcional de comunicação e responsabilidade do projecto, e a sua monitoria.
  • Garantir a boa gestão financeira e operacional em conformidade com as políticas e procedimentos relevantes.
  • Garantir a conformidade do projecto com todas as leis, regras e regulamentos aplicáveis ​​(do Governo de Moçambique, USAID, PEPFAR, e da organização). Isso inclui a interpretação de orientações para equipes de projecto para permitir conformidade, monitoria e solução de problemas.
  • Representar o projecto junto a entidades governamentais, conforme orientação da Directora Executiva.

Requisitos:

  • Pelo menos 5 anos de experiência, com responsabilidade crescente, na gestão de programas grandes complexos de COVs, RAMJ, saúde pública, HIV e Sida, ou proteção infantil, de preferência em Moçambique. A experiência clínica é uma vantagem.
  • Licenciatura em saúde pública, serviços sociais, gestão, administração de empresas ou um grau equivalente.
  • 5 anos de experiência comprovada na gestão de grandes equipes em vários locais em projectos complexos em Moçambique.
  • Capacidade comprovada de liderança e gestão relacionada à gestão do programa, incluindo gestão de orçamento e pessoal, motivação e supervisão dos esforços da equipe, e gestão sólida de desempenho.
  • Amplo conhecimento e experiência com as práticas administrativas e de aquisições da USAID.
  • Forte comunicação oral e escrita. Fluente em português, escrito e falado. Será uma vantagem ter conhecimento de inglês.

Esta descrição de tarefas resume as principais funções do trabalho. Não prescreve nem restringe as tarefas exactas que podem ser atribuídas para realizar essas funções. Este documento não deve ser interpretado de forma alguma como um contrato de trabalho. Reservamos o direito de revisar este documento a qualquer momento.

Data Limite: Será dada prioridade as candidaturas recebidas antes do dia 8 de Junho de 2022. Se não forem encontrados candidatos adequados, a vaga permanecerá aberta até ser preenchida.Como se candidatar: Envie sua carta de motivação (1 página) e CV (máximo de 3 páginas), e os dados de contato de três referências profissionais para recrutamento@cma.org.mz com cc para Mozambique.Resume@fhi360.org . O assunto do email deve ter o nome do cargo e da organização contratante.

Intruções de candidatura não definidas, Reportar erro para:info@rebus.co.mz ou ligue para: (+258) 87 029 1910



Subscreva a nossa Newsletter

Para receber notificações sempre que uma nova vaga for publicada, por favor, subscreva-se aqui!.